STRANS – Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito
Teresina, 15 de Dezembro de 2017

Você está em » Destaques Ver todas

Buenos Aires dará suporte técnico a Teresina na área de mobilidade sustentável

28/11/2017 - 11h11
buenos aires

A cidade autônoma de Buenos Aires, na Argentina, dará suporte técnico à Prefeitura de Teresina nas estratégias de mobilidade sustentável. A parceria é resultado do concurso “Cidade para as pessoas”, realizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Governo da Cidade de Buenos Aires e vencido por Teresina em setembro deste ano.

 

 

“Buenos Aires é uma referência em mobilidade sustentável e está fortalecendo os laços em toda América Latina. Como Teresina venceu o concurso Cidade para as pessoas, foi aberto esse canal de diálogo e de parceria técnica”, conta a assessora de coordenação de Planejamento Urbano da Prefeitura de Teresina, arquiteta Flávia Maia. Ele e a arquiteta e urbanista da Strans, Cintia Machado, estiveram reunidas com a equipe da subsecretaria de Mobilidade e Sustentável e Segura de Buenos Aires.

 

 

A mobilidade do Centro será um dos projetos desenvolvidos pela capital piauiense que contará com o apoio técnico de Buenos Aires. Há cerca de oito anos, a capital argentina iniciou o processo de requalificação do Centro com intervenções que privilegiavam o pedestre e o transporte público.

 

 

“Eles irão nos ajudar na nossa base técnica com cartilhas e manuais que foram desenvolvidas para o que eles chamam de microcentro, que é uma área caminhável, voltada para as pessoas. Todo o processo foi feito por etapas e em diálogo com os atores envolvidos, fortalecendo a participação popular. A experiência deles na parte de negociação com os atores e nas estratégias de implementação das propostas também será útil para a administração municipal”, comenta Cintia Machado.  A capital argentina também se tornou referência com as bicicletas compartilhadas e a implementação dos BRT nas principais avenidas, como a 9 de Julho.

 

 

O concurso “Cidade para as pessoas” foi destinado a cidades da América Latina e do Caribe com população entre 50 mil e 1 milhão de habitantes. Teresina foi a campeã na categoria “mobilidade sustentável” com o projeto de requalificação do entorno da Horta Comunitária do Dirceu, na zona Sudeste da capital.