Fazendo parte das ações da Semana Nacional de Trânsito o órgãos parceiros do Sistema Nacional de Trânsito e a Faculdade Maurício de Nassau fizeram uma  atividade educativa na faixa de pedestre localizada na BR 342 próximo ao Comercial Carvalho, na zona Sudeste da cidade. O objetivo da ação era alertar as pessoas para a necessidade de atravessar a via pública na faixa de pedestre.

De acordo com a Gerente de Educação de Trânsito da Strans, Samyra Motta, a Semana de Trânsito iniciou ontem com a participação de todos. “Foi muito boa a abertura com a participação de todos os parceiros e hoje estamos realizando esse trabalho para chamar a atenção dos pedestres para a necessidade a atravessar as vias na faixa de pedestres”, disse.

A gerente reforça que participaram da atividade uma pessoa representando a morte e convidando os condutores para dirigir e beber e uma outra pessoa representando o anjo para proteger o condutor. “Fizemos essa simulação para alertar a todos sobre a necessidade da conduta correta no trânsito. Aproveitamos esse momento para mostrar que o não uso do capacete, ingestão de bebida alcoólica  e direção poderá causar danos irreversíveis ao condutores”, enfatizou.

A professora da Faculdade Maurício de Nassau, Tammy Tércia enfatiza que a participação dos alunos na atividade é muito importante para mostrar como as pessoas devem se comportar de foram correta no trânsito. “Estamos aqui com os nossos alunos mostrando como é importante que as pessoas respeitem o espaço do outro no trânsito. Precisamos mudar a nossa conduta e esse tipo de ação mostra para eles o bom comportamento é sempre melhor para todos”, disse.

O estudante do 6º período de Psicologia da Faculdade Mauricio de Nassau, Mateus Ferraz Guimarães, acredita que esse tipo de atividade educativa é importante para que haja um proximidade com as pessoas. “O trânsito está no dia a dia das pessoas, por isso fizemos questão de participar para mostrar para os pedestres a importância do bom comportamento e dos respeito à vida”, acrescentou.

Para o estudante Ítalo Cristino da Costa Faustino ressalta que essa é uma excelente oportunidade de aliar a teoria à prática. “Nessas ações conseguimos analisar os comportamentos das pessoas no trânsito e orientá-las a mudar suas condutas no dia a dia”, ressaltou.

A estudante de Direito Joala Denise, que mora no Residencial Tancredo Neves, diz que costuma todos os dias fazer a travessia da BR 343, pois é mais seguro.  “Aqui nesse local não tem como atravessar sem ser na faixa de pedestre, por isso faço questão de utilizar a faixa para a minha segurança total. Acho que esse tipo de ação educativa é muito importante, pois apesar do risco ainda tem gente de atravessa fora da faixa”, finalizou.

 

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).

document.getElementsByClassName('banner-premio-2018')[0].style.marginBottom = '5em'; document.getElementsByClassName('banner-premio-2018')[0].style.width = '200em';